Armazém 8

coladera-trio-1

O diálogo entre a guitarra ibérica e lusófona do português João Pires e a voz e o violão do brasileiro Vitor Santana foi o mote para o discurso musical do álbum Coladera.

Desde que a música os fez encontrar que o mineiro Vitor Santana (Brasil) e o lisboeta João Pires ( Portugal) têm desenvolvido uma intensa parceria musical que dá nome ao projeto “COLADERA“. Canções feitas em parceria ou de cada um , dois exímios violonistas, ritmos de samba, fado, morna, coladera, lundum angolano, rumba, cumbia, mpb, o Atlântico como cenário são o mote do grupo.

coladeraO álbum de estreia “Coladera” (2013) gravado ao vivo com o mestre Marcos Suzano, lendário percussionista  brasileiro foi premiado como um dos melhores álbuns de música brasileira  de 2013  pelo conceituado Embrulhador, tendo o grupo se apresentado nas principais cidades do Brasil, na Europa e nos Estados Unidos.

Segue se “La dôtu lado”, nome do segundo álbum que será lançado pelo grupo brevemente. O repertório foi sendo criado pelo duo nesse último ano de vários concertos na Europa e nos Estados Unidos tendo a colaboração do escritor angolano José Eduardo Agualusa, Aline Frazão, Sara Tavares e Dino de Santiago de Cabo Verde, Edu Mundo de Portugal, Brisa Marques, J. Veloso do Brasil para além  dos percussionistas Miroca Paris (Cabo verde) , Keita Ogawa, Fernando Saci (E.U.A), Kainan do Jeje, Marcos Suzano e  Mateus Bahiense (Brasil).

Mantendo a mesma sonoridade acústica, rítmica e abordando ainda mais a língua portuguesa e suas diferentes expressões, Coladera segue sua trajetória como um dos projetos vivos da lusofonia.

Vitor Santana – Voz e Violão | João Pires – Guitarra e Voz | Miroca Paris – Percussão

Carregando mapa ....